Blog do Lacy, 10 anos no ar! Lima Campos, passa aqui!

terça-feira, 28 de janeiro de 2014

MINHA VIDA É SERESTA

Nos últimos cinco anos as redes sociais desempenharam importantes avanços nas carreiras dos artistas populares, como eu, que não dispõem de muitos recursos para investirem na mídia.
De uma forma bem natural já não se admite que alguém possa viver desconectado da NET.Hoje, quando alguém “DA LUA” me pergunta: E aí João Dino, ainda está cantando? Eu só respondo: Acesse as redes sociais. Veja as 6.000 fotos clicadas e dezenas de vídeos postados por mim e por meus amigos durante as 120 serestas que fiz durante o ano de 2013, percorrendo mais de 50 mil km entre os estados do CE, PI, PE, RN e PB. Pressionado pela concorrência desleal das grandes empresas de produção de eventos que fazem barba, cabelo e bigode (Traduzindo: Prostituição, Apologia às drogas lícitas e ilícitas e Lavagem de Dinheiro Público), eu estava pensando em pendurar as chuteiras agora.
Mas ainda não chegou o momento ideal. Pelo menos até 31.12.2015 estão nos meus planos continuar promovendo minhas serestas.Porém se algum infortúnio me acontecer, eu já estou preparado para curtir uma aposentadoria tranqüila, e o que é melhor: sem correr qualquer risco de receber visitas de polícias civis, militares ou federais. É esse o patrimônio que eu quero deixar para os meus filhos, netos e bisnetos.
Aos curiosos palpiteiros que me aconselham mudar de estilo, vou repetir aqui o que digo sempre: Orgulho-me de ser o “PIONEIRO DA SERESTA-BAILE”. Jamais o meu público irá me ver “Funkeiro”, “Rappeiro”, “Forrozeiro”, “Arrocheiro”, Sertanejo, Vaqueiro, ou cantando rodeado de bailarinas semi-peladas, com jogos de luzes, máquinas de fumaça e dizendo palavrões.
Mesmo sabendo que corre muita grana eu

não tenho ambição e nem vocação para me transformar em “JOÃO DINO DO ARROCHA”, JOÃO DINO ELÉTRICO”, ou seja lá o que for. Olhando-me diante do espelho sou consciente de que aos 58 anos de idade, meu arrocho já não é mais o mesmo, e choque elétrico eu não dou mais em ninguém.Tenham todos os meus familiares, fãs, amigos verdadeiros e inimigos gratuitos um ano novo repleto de realizações, paz e harmonia nos seus lares... É o que eu desejo de todo coração...

João Dino do Jornal Juanorte.

Nenhum comentário:

Postar um comentário